Películas Insulfilm Residencial melhoram segurança e protegem contra o sol e claridade

Com a chegada da primavera, as temperaturas tendem a subir trazendo mais luz solar para dentro de casa. E junto com a luz e o calor, vêm também os indesejáveis insetos. Mas graças à tecnologia, já há produtos que protegem casas e edifícios comerciais e residenciais destes males, e ainda inibem a invasão, proporcionando maior segurança. Por isso, na hora de planejar uma construção ou reformar, é necessário pesquisar produtos com multifunção, que além de bonitos sejam úteis.

INSULFILM FORA DA LEGISLAÇÃO PODE RENDER MULTA E INFRAÇÃO GRAVE

Quem reside em grandes capitais precisa se preocupar com a segurança dos imóveis. Para se ter uma ideia, na cidade de São Paulo, no primeiro trimestre de 2011, 131.437 mil furtos foram registrados, segundo dados da Secretaria da Segurança Pública do Estado. 

DICAS PARA REMOVER RISCO EM VIDROS EM CASA

Outro fator que deve ser levado em conta nas residências com grandes vãos, janelas e portas de vidros, além da vulnerabilidade quanto à segurança, caso não se tome alguns cuidados, é a precaução contra o excesso de calor. O sol é rico em raios UVA e UVB, e pode causar câncer de pele, envelhecimento precoce, além de queimaduras e alergias. Nas residências os raios solares também podem estragar objetos ou móveis, causando desbotamento, envelhecimento e diminuindo a sua vida útil.A

COMO CUIDAR DA PELÍCULA RESIDENCIAL OU AUTOMOTIVA ESCURECEDORA DO VIDRO PARA QUE ELA DURE MAIS?

Para solucionar esses problemas e trazer maior proteção para dentro de sua residência, empresas do ramo têm desenvolvido métodos para melhorar a qualidade de vida dos seus clientes. Contra os malefícios dos raios solares pode-se aplicar a Película Solar, novidade desenvolvida que rejeita 99,9% dos raios UVs, mantendo a luminosidade interior sem prejuízos. Para proteção e segurança de sua residência pode-se aplicar também a Película de Segurança, que dá uma resistência maior ao vidro, fazendo com que ele suporte impactos de até 500 libras, ajudando a evitar assim invasões à residência.

Esse tipo de película pode ser utilizado em diversos lugares, desde janelas, portas, fachadas e coberturas de vidros, suportando a pressão de grandes ventanias ou chuvas fortes. Além de tudo isso, as películas ainda têm uma função na economia de energia, pois retém o calor que vem de fora, diminuindo a potência do ar condicionado no ambiente e aumentando a utilização da luz natural. “A película não escurece o ambiente, 70% da luz entra.”, ressalta Elisabete Cassettari, diretora da Eurosystem, empresa há mais de 10 anos no ramo de esquadrias de PVC, e que aplica essas películas em seus produtos. 

Apenas um alerta: é necessário analisar o tipo de esquadria e vidro em que serão aplicadas as películas, pois existem alguns materiais mais propícios, como o PVC, que não conduzem calor e não esquentam. O vidro também tem suas especificações, isso porque precisa resistir à aplicação da película. “Por exemplo, se o vidro for espessura de 03 mm, sem tratamento nenhum, pode não resistir à aplicação da película, e estourar.”, explica Elisabete. 

Já para bloquear a entrada de insetos nas residências, a alternativa é o uso da Tela Mosquiteira nas janelas e portas que além de evitar a entrada de diversos bichinhos desagradáveis, também repele a poeira que vem da rua e a fuligem da poluição. É fabricada por um sistema de tecido composto de fibra de vidro, com duplo revestimento de PVC, com tratamento eletrostático. “O produto com essa tecnologia tem também um cuidado estético, isso porque a uma distância de 3 metros não se vê mais a tela, além de não escurecer o ambiente.”, informa a diretora da Eurosystem.

Nos casos das Portas e Janelas de correr de PVC da Eurosystem, é possível obter as telas já acopladas nas peças, ficando a escolha a critério do cliente. Para outros modelos ou esquadrias de alumínio ou madeira, é sempre interessante uma pré-avaliação para averiguar a utilização. “Normalmente elas podem ser instaladas sem nenhum problema mediante consulta e análise no local, uma vez que são telas recolhíveis e têm um funcionamento independente da porta ou janela.”, enfatiza Elisabete Cassettari. 

Via: bonde

, , ,

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *